Coisas que aprendi com a minha avó

vovo_neta03a

Minha avó paterna não era de muitas palavras, de muitas demonstrações públicas de afeto, mas se tem algo que ela me ensinou é que o sofrimento não nos mata, muito pelo contrário. Sejam traições, deslealdades ou simplesmente aquelas rasteiras inexplicáveis que a vida nos dá de vez em quando, a verdade é que a gente cai sim, mas a gente sempre levanta. E levanta melhor, levanta outra pessoa, mais forte, mais preparada para a próxima.

A primeira queda sempre dói, dói muito e a sensação que temos é de que não vamos aguentar, vamos morrer de tanto sofrer, mas não, ninguém morre por sofrer. A gente simplesmente aprende a transformar o sofrimento em algo mais, em força, em ensinamento. E assim, a próxima queda é menos dura. Vamos ficando mais cascudos, como diz um amigo meu. Não vamos mais deixando que qualquer coisa nos derrube, que qualquer um veja o nosso sofrimento. Não vamos dando armamento para o sofrimento, porque a verdade é que o sofrimento, assim como aquelas pessoas que não gostam da gente, se fortalecem com o sofrimento. Quanto mais sofremos, mais sofrimento atraímos. E pensar no que nos faz sofrer, não muda em absolutamente nada o momento. Precisamos é aprender com o que nos levou até ali, para que ele não se repita, pelo menos não no que pudermos evitar.

Não que eu ache que a gente deva evitar o sofrimento, muito pelo contrário, aprendi que é sofrendo que a gente cresce, que a gente anda pra frente, que a gente evolui. Mas não vale a pena ficar sofrendo pelo o que não vale a pena, pelo o que só traz mais sofrimento e não acrescenta nada. Pessoas desleais não merecem o nosso sofrimento. Pessoas que não sabem perceber o nosso valor também não. Quando aprendemos a separar o que realmente vale nossa dor, nossas lágrimas, nosso sofrimento, pelo o que não vale absolutamente nada, aprendemos a ser mais felizes.

Anúncios

2 Comentários

Arquivado em Pensamentos sem nexo

2 Respostas para “Coisas que aprendi com a minha avó

  1. Isabella

    As vitorias sempre são saborosas, mas as derrotas sempre tem seus segredos de conquistas.

  2. Liz Negrão

    Sem comentários!!!!!! 😍

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s