Carta para o meu eterno herói

I_Miss_You

Se você estivesse vivo hoje seria seu aniversário. Mas sei que seria de um egoísmo sem tamanho querer que você continuasse aqui daquele jeito, sofrendo. Apesar da saudade que ainda se faz presente, doída, ardida todos os dias, vô, eu sei que foi melhor assim. Eu só queria ter podido te ter por um pouco mais de tempo na minha vida.

Mas quer saber, apesar do pouco tempo, você faz parte das lembranças mais marcantes da minha infância e eu não poderia deixar de falar isso. Não tem uma única vez que eu entre na sala da casa da vó que eu não te veja sentado ali, no sofá, mesmo que hoje o sofá seja outro e que a sala tenha uma decoração completamente diferente. Ainda vejo a gente brincando com as peças de dominó naquela mesa que também já não existe há anos. E ainda te vejo deitado naquela cama perto da janela lá no quarto. Vovó acabou se desfazendo das camas, porque não havia quem me fizesse dormir ali, mesmo ela jurando que não tinha como saber qual era a cama depois das muitas arrumações pelas quais o quarto passou. Mas a medida que fui crescendo aprendi que a cama era o que menos importava, as memórias estão ali, independente do mobiliário.

crying-petal-1

Muita coisa mudou daquela época pra cá, mas ainda não foram capazes de encontrar a cura pra maldita doença que fazia você sentir dor 24 horas por dia. A família cresceu e acho que há muito tempo não via a vó tão feliz. E cada vez que vejo os meninos sinto um pouco daquela vontade egoísta de que você pudesse estar aqui. Acho que você ia se orgulhar muito dos seus bisnetos. Eles são tão inteligentes, vô. Na verdade, acho que você ia se orgulhar da família como um todo. Entre tropeções, erros e acertos fomos capazes de crescer e de levar a vida dentro daquilo que você nos ensinou. A mamãe fez um bom trabalho em nos ensinar que o estudo e a educação eram os maiores bens que ela poderia nos deixar e as ferramentas básicas para que possamos nos desenvolver por conta própria, sem precisar depender dos outros.

Com a chegada da maturidade aprendi também a perdoar a vovó e a ver tudo o que ela passou com outros olhos. Não deve ter sido fácil pra ela também. Nunca é fácil perder um amor e na verdade, eu hoje até que admiro a força com que ela enfrentou tudo. Acho que você ficaria feliz de saber disso também.

Do nosso jeito vamos vivendo, sentido a sua falta. Apesar dos 25 anos de saudade, vô, você ainda é o meu herói.

Anúncios

3 Comentários

Arquivado em Cartas

3 Respostas para “Carta para o meu eterno herói

  1. Isabella

    Perdi meu avô a pouco tempo e entendo perfeitamente essas palavras!

  2. Robert

    Eu quero o meu irmão de volta, já vai fazer quatro anos sem ele, ficou tudo pior sem ele comigo. Sonhei com ele ontem e hoje; ontem, o sonho foi lindo, sonhei com ele dirigindo um conversível esportivo, com uma bela esposa e um filho ainda novo. Sonhei com nós dois saindo juntos, sendo irmãos um do outro. Ele já estava rico, tinha terminado a faculdade de Administração; eu tinha terminado a minha de Engenharia, mas ele estava melhor de vida. Foi um sonho tão real que acordei sorrindo, pela primeira vez. O sonho desta noite de Natal foi mais triste. Mas triste mesmo é estar sem ele. Que saudades!!!

    • tatyperry

      Passei mais tempo da minha vida sem o meu avô do que com ele. Era pequena quando ele morreu, mas não tem um dia que eu não pense nele e sinta a falta dele. Infelizmente é raro eu sonhar com ele. Só lembro de um sonho com ele depois de sua morte, mas no sonho ele me dava exatamente os conselhos que eu precisava na época.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s