Eu queria você aqui

Namoro-a-distancia

E um dia você me disse que deveríamos dar uma chance pra gente apesar dos quase 500 km de distância que nos separavam. Apesar do medo, o sentimento falou mais alto e a gente foi organizando nossas rotinas para fazer dar certo. Afinal, o que são 500 km frente a duas pessoas que se gostam, querem estar juntas e compartilhar momentos?

A gente se virava nos 30 e cada final de semana prolongado, feriado ou folga ajeitada com o chefe era comemorado como um gol em final de Copa do Mundo e a gente se acostumou. A gente sempre se acostuma. Mas agora, que você está indo para ainda mais longe me dou conta de que nunca foi fácil. Não houve um dia em que eu não tenha sentido falta do seu abraço, que eu não tenha fechado meus olhos com força e pedido que a voz não estivesse saindo pelo telefone, mas que estivesse ali, ao meu lado, que eu não tenha sonhado em ver seu sorriso torto se abrindo pra mim a qualquer hora do dia ou da noite. E eu, sempre viciada em relógios, passei a ter birra deles e de seus tic-tac pesados fazendo questão de pontuar cada segundo a menos em nossos encontros. Porque a verdade é que por mais que tentássemos agir como se a distância não existisse quando juntos, o tempo estava sempre pairando sobre a gente, se fazendo presente como aquela visita inconveniente que surge sem ser convidada.

E agora que tudo parecia que ia dar certo pra gente a vida vem e te leva pra mais longe e eu me vejo como uma menininha pequena, frágil diante da mudança, com medo do futuro. Porque por mais que haja amor, a distância ainda fere.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Crônicas e Contos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s