Aprendi minha lição

amor

Eu errei, menino. Eu sei. Magoei você e fugi diante da primeira dificuldade, mas é que tudo isso foi tão intenso, tão abrupto que quando vi estava amedrontada. E se tudo desabasse de repente sobre a minha cabeça? Tudo sempre desabou, por que seria diferente com a gente?

Então eu parti, mas esqueci de deixar você. Você estava por toda parte, em qualquer lugar que eu fosse. Se alguém te perguntar se você já conheceu a Índia pode dizer que sim, porque você esteve lá comigo durante todo o meu retiro espiritual, em cada mantra entoado. Quanto mais eu tentava esvaziar minha cabeça mais a sua imagem se fazia presente.

deitados-nas-folhas

Eu aprendi a lição menino, não se preocupe. Nunca mais fujo de você de novo. Enquanto você me quiser estarei aqui e vou deitar ao seu lado e esquecer o mundo, esquecer meus medos e traumas. Confie em mim, menino. Não vou cometer o mesmo erro uma segunda vez. Já vivi sem você uma vez e sei o quanto é difícil respirar faltando um pedaço da gente.

Eu não tenho forças para resistir a você, mas é que você me deixa tão nervosa querendo te agradar e ao mesmo tempo em nenhum outro lugar além dos seus braços eu consigo encontrar a tranquilidade que a minha mente e o meu coração precisam. Me abrace, menino, me segure forte e eu prometo que nunca mais vou partir novamente porque eu rodei o mundo pra descobri que tudo o que eu precisava estava bem aqui, ao meu lado.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Crônicas e Contos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s