Arquivo da categoria: poema

Cabe tudo dentro de um abraço

abracar-e-importante-7

Que me perdoem as pessoas de beijo,
mas sou uma pessoa de abraço.
Definitivamente de abraço.
Cabe um mundo em um abraço
e cabemos apenas você e eu.
 
Um abraço pode curar aquela dor sofrida
que apenas sentimos, sem porque,
pode restaurar nossas energias,
pode fazer sonhar.
 
Cabe tudo dentro de um abraço.
Um único gesto que enche o coração de alegria,
que tenta adiar ao máximo uma despedida
e saciar aquela saudade doída.
 
O abraço dissolve todo o sofrimento,
esculpe novos sentimentos,
cria sonhos
e alimenta esperanças.
 
Cabe um mundo em um abraço
e cabemos apenas você e eu.

Deixe um comentário

Arquivado em poema

Ciranda

despedidas
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Não gosto de despedidas
E das vidas entrelaçadas
Por elas interrompidas.
 
Enquanto afastados,
Somos como fantasmas.
Fingimos que vivemos
Sobrevivemos nas lembranças,
Na contagem regressiva pelo reencontro.
 
Você me diz que tudo vai ficar bem.
Eu digo a você que tudo vai ficar bem.
E longe do olhar do outro
Nossos olhares tristes
Derramam lágrimas de solidão.
Nossos braços sentem falta dos abraços.
Nossos lábios, dos beijos molhados.
 
Contamos os dias e as noites como presidiários.
Presos pelo amor,
Reféns da distância e do tempo
Até o próximo encontro que tudo apaga,
Até a próxima despedida que tudo reinicia.
Como numa ciranda
Que nunca se acaba.
 

Deixe um comentário

Arquivado em Pensamentos sem nexo, poema