Arquivo da tag: sorriso incerto

É amor

amor

Sonhei que você tinha ido embora e levado contigo todas as possibilidades de uma vida em conjunto. Acordei sobressaltada, mas bastou uma simples olhada para o seu lado da cama, para o seu jeito espaçoso que ocupa quase 2/3 da cama para o meu coração se acalmar. E como sentindo que eu precisava de você – você sempre sente – você se virou, me puxando para os seus braços e eu não poderia querer estar em outro lugar. Ali, aninhada em seus braços eu sabia, era amor.

Como naquela noite em que eu te fiz andar cerca de cinco quarteirões apenas para encontrar meu sorvete favorito e quando encontrei você abriu um sorriso e ao te perguntar o que era, você disse, dando de ombros: “nada, você apenas fica linda tomando sorvete.” E ali eu soube, era amor.

amor2

Aliás, naquela noite de chuva, quando você me beijou pela primeira vez, na escada da biblioteca, enquanto esperávamos a água baixar para irmos embora da faculdade, e me abriu seu sorriso torto, meio incerto com os olhos apertados, eu soube que poderia me apaixonar perdidamente.

Poderia congelar aquela cena e passar o resto da minha vida revivendo aquele momento. As borboletas no estômago e o seu sorriso incerto. Hoje eu sei, é amor!

1 comentário

Arquivado em Crônicas e Contos